terça-feira, 24 de março de 2020

Acre é o primeiro estado a concluir o Censo Escolar

A etapa do Censo Escolar encerrada agora iniciou no mês de fevereiro deste ano Foto: Marcos Vicentti/Arquivo Secom
Há pouco mais de um mês, a equipe da Coordenação Estadual do Censo Escolar da Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esportes (SEE) iniciou a coleta de informações da segunda etapa do Censo Escolar 2019.

Segundo o chefe da Divisão de Estudos e Pesquisas Educacionais da SEE, Martins Casas, “o Acre foi único estado da federação a encerrar com 100% esta coleta. É a quarta vez consecutiva que o estado consegue isso, inclusive na etapa anterior também. Vamos continuar conseguindo porque temos uma relação de responsabilidade mútua com as escolas”.

O Censo Escolar é a maior pesquisa nacional e da América do Sul no campo educacional, os dados coletados são utilizados para pesquisas e servem de base para o cálculo dos recursos destinados aos programas nacionais Alimentação Escolar, Livro didático, Transporte Escolar, Dinheiro Direto na Escola e para o Fundeb, o Fundo de Manutenção da Educação Básica.

A pesquisa é dividida em duas etapas: a da matrícula inicial, onde são levantadas informações referentes ao aluno, gestor, estrutura da escola, dentre outras; e a da situação final do aluno, como rendimento escolar, aprovação e reprovação e movimentação. Nesta fase, são considerados os dados apenas das escolas que concluíram as informações da matrícula inicial e que encerraram devidamente o ano letivo no sistema. É a partir daí que os dados servirão para os repasses financeiros do ano seguinte.

“Daí a importância de um acompanhamento e gerenciamento muito intenso e comprometido com os dados informados por todas as redes de ensino em cada etapa do censo. E vale lembrar que a coordenação estadual é responsável por esse processo nas redes federal, estadual, municipal e privada”, explica Jelsoni Calixto, coordenador estadual do Censo Escolar.

Ao todo, 1571 escolas informaram seus dados na primeira etapa, ainda em 2019. Nesta segunda etapa foram 1566. As quatro que não informaram é pelo fato de não ofertarem escolarização, mas apenas atividade complementar ou Atendimento Educacional Especializado (AEE). Para Calixto, “o sucesso do Censo Escolar é mérito das escolas e da equipe dos técnicos do setor, que não medem esforços para corrigir todas as inconsistências em tempo hábil”.

Secretário Mauro Cruz reafirma a importância do Censo Escolar Foto: Stalin Melo/Arquivo SEE
A abertura do Censo Escolar 2020 será no final do mês de maio. “O Censo Escolar é a primeira ação, dentre as mais importantes da Educação. É o começo de tudo, na verdade, sobretudo em relação a recursos a serem repassados pelo governo federal, por meio dos programas nacionais. Nossa equipe da SEE e também as equipes gestoras das escolas estão de parabéns. Em meio a esse momento tão conturbado e triste por conta dessa pandemia, é uma notícia que nos alegra, nos motiva e é também a demonstração de que a Educação não para”, afirma o secretário de Educação, Mauro Cruz.

AGÊNCIA/ACRE

terça-feira, 17 de março de 2020

ACRE: GOVERNADOR GLADSON CAMELI DECRETA MEDIDAS CONTRA CORONA VÍRUS


ESTADO DO ACRE
DECRETO No 5.465, DE 16 DE MARÇO DE 2020
Dispõe sobre medidas temporárias a serem adotadas, no âmbito do Estado do Acre, para enfrentamento da emergência de saúde pública decorrente da doença COVID-19, causada pelo coronavírus SARS-CoV-2


O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE, no uso das atribuições que lhe confere o art. 78, incisos VI e XXI, da Constituição Estadual; e CONSIDERANDO a Portaria no 188, de 3 de fevereiro de 2020, do Ministério da Saúde, que declara Emergência em Saúde Pública de importância Nacional (ESPIN) em decorrência da Infecção Humana pelo novo coronavírus denominado SARSCoV-2;

CONSIDERANDO a Lei Federal no 13.979, de 6 de fevereiro de 2020, que dispõe sobre as medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus; CONSIDERANDO a Portaria no 356, de 11 de março de 2020, do Ministério da Saúde, que dispõe sobre a regulamentação e operacionalização do disposto na Lei Federal no 13.979, de 6 de fevereiro de 2020,

CONSIDERANDO que a Organização Mundial de Saúde – OMS classificou, em 11 de março de 2020, que o COVID-19, doença causada pelo novo coronavírus, é uma pandemia;

CONSIDERANDO a recomendação do Ministério da Saúde, transmitida em 13 de março de 2020, para que, durante o atual período de emergência na saúde pública, fossem adiados ou cancelados eventos de massa governamentais, esportivos, culturais, e/ou políticos; CONSIDERANDO, por fim, o disposto no art. 196 da Constituição Federal, que assegura a saúde como um direito de todos e determina ao Estado o dever de garantir a redução do risco de doença e de outros agravos, DECRETA:

Art. 1o Este Decreto dispõe sobre medidas temporárias a serem adotadas, no âmbito do Estado do Acre, para enfrentamento da emergência de saúde pública decorrente da doença COVID-19, causada pelo coronavírus SARSCoV-2.

Art. 2o Enquanto perdurar a emergência de saúde a que se refere este Decreto, poderão ser adotadas as seguintes medidas:
I – isolamento;
II – quarentena;
III – determinação de realização compulsória de: a) exames médicos;
b) testes laboratoriais;
c) coleta de amostras clínicas;
d) vacinação e outras medidas profiláticas;
e) tratamentos médicos específicos.
IV – estudo ou investigação epidemiológica;
V – exumação, necropsia, cremação e manejo de cadáver;
VI – concessão de férias, licença prêmio e licença especial a servidores que compõem o grupo de maior risco de mortalidade ou, subsidiaria- mente, trabalho remoto, quando possível;
VII – restrição de atendimento presencial ao público nos órgãos públicos estaduais;
VIII – suspensão de férias, licença prêmio e licença especial a servidores das áreas de saúde e segurança pública;
IX – requisição de bens, serviços e produtos de pessoas naturais e jurídicas; e
X – outras medidas necessárias à persecução do objeto deste Decreto § 1o Para os fins deste Decreto, considera-se:
I – isolamento: separação de pessoas e bens contaminados, transpor- tes e bagagens no âmbito intermunicipal, mercadorias e outros, com o objetivo de evitar a contaminação ou a propagação do coronavírus; e
II – quarentena: restrição de atividades ou separação de pessoas sus- peitas de contaminação das demais que não estejam doentes, ou ainda bagagens, contêineres, animais e meios de transporte, no âmbito de sua competência, com o objetivo de evitar a possível contaminação ou a propagação do coronavírus.

§ 2o As medidas de que trata o caput serão definidas e executadas pelos órgãos e entidades da administração pública estadual, conforme suas respectivas áreas de competência, ressalvados os casos de competência privativa do Governador do Estado, que lhe serão submetidos com urgência para fins de edição de decreto.

§ 3o A requisição administrativa de que trata o inciso IX do caput deverá garantir ao particular o pagamento de justa indenização, com condições e requisitos previamente definidos em portaria do Secretário de Estado de Saúde, podendo ter por objeto:
I - medicamentos e insumos;
II - hospitais, clínicas e laboratórios privados, independentemente da celebração de contratos administrativos; e
III – profissionais da saúde, hipótese que não acarretará formação de vínculo estatutário ou empregatício com a administração pública.

Art 3o Ficam vedados, no âmbito do Estado do Acre, a realização de eventos de qualquer natureza com público superior a 100 (cem) pessoas 

Parágrafo único Os eventos esportivos, caso mantidos, deverão ocorrer sem a participação de público ou torcida

Art 4o Ficam suspensas as viagens de servidores estaduais a serviço que exijam deslocamento interestadual ou para o exterior.

§ 1o Os deslocamentos de que trata o caput poderão ser excepcionalmente autorizados pelo Secretário de Estado da Casa Civil, após justificativa formal da necessidade da viagem a ser subscrita pelo dirigente máximo do órgão ou entidade interessada, com antecedência mínima de 5 (cinco) dias.

§ 2o Todo servidor estadual que retornar de viagens interestaduais e internacionais deverá comunicar imediatamente o setor de recursos humanos a que estiver vinculado e permanecer em isolamento domiciliar por 7 (sete) dias, mesmo que não apresente qualquer sintoma relacionado ao COVID-19.

§ 3o Os setores de recursos humanos deverão comunicar imediatamente a Secretaria de Estado de Saúde acerca dos casos mencionados no § 2o deste artigo

Art 5o Ficam suspensas, no âmbito do Instituto de Administração Penitenciária do Estado e do Instituto Socioeducativo do Estado, as visitas sociais e as escoltas dos detentos e reeducandos custodiados, observados os seguintes prazos:
I – visitas sociais, por um período de 15 (quinze) dias;
II – atendimento de advogados, por período de 05 (cinco) dias, salvo necessidades urgentes ou que envolvam prazos processuais não suspensos; III – escoltas, por um período de 15 (quinze) dias, com exceção de requisições judiciais, inclusões emergenciais e daquelas que por sua natureza, precisam ser realizadas.

Art 6o Fica determinada à Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão e à Secretaria de Estado de Fazenda a tomada de providências necessárias à abertura de crédito suplementar e à viabilização de disponibilidade financeira a fim de atender à situação de emergência trata- da neste Decreto, observados os limites previstos na Lei Orçamentária Anual e na Lei de Responsabilidade Fiscal

Art 7o Fica declarada, no âmbito do Estado do Acre, a existência de situação anormal caracterizada como Situação de Emergência, em razão da pandemia de COVID-19 declarada pela Organização Mundial de Saúde, pelo prazo de 30 (trinta) dias, prorrogáveis por iguais períodos, conforme perdurar a emergência

Art 8o Fica autorizada a realização de despesas, inclusive com dispensa de licitação, para a contratação de profissionais e pessoas jurídicas da área da saúde, aquisição de medicamentos, leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) e outros insumos, observadas as disposições legais aplicáveis 

Art 9o As ações e os serviços públicos de saúde voltados à contenção da emergência serão articulados pela Secretaria de Estado de Saúde e poderão contar com o apoio administrativo e auxílio financeiro dos de- mais órgãos e entidades da administração pública estadual, no âmbito de suas áreas de competência

Art 10 A Secretaria de Estado de Saúde emitirá diariamente Boletim Informativo acerca da sua situação de emergência decorrente do coronavírus, que será disponibilizado no endereço agencia.ac.gov.br e divulgado aos demais meios de comunicação

Art 11 Fica instituído o Comitê de Acompanhamento Especial do COVID-19, ao qual compete propor, acompanhar e avaliar as ações e os resultados decorrentes do cumprimento deste Decreto.

Parágrafo único A composição e as regras de funcionamento do comi- tê serão disciplinadas através de portaria expedida pela Secretaria de Estado da Casa Civil

Art. 12 Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação e produzirá efeitos enquanto perdurar o estado de emergência em saúde cau- sado pelo coronavírus

Rio Branco - Acre, 16 de março de 2020, 
132o da República, 118o do Tratado de Petrópolis e 59o do Estado do Acre.


Gladson de Lima Cameli

Governador do Estado do Acre

quinta-feira, 12 de março de 2020

NÚCLEO DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL DE TARAUACÁ LANÇA CAMPANHA "INTERNET SEGURA"


O NTE - Núcleo de Tecnologia Educacional de Tarauacá, vai fazer uma campanha nas rádios locais para divulgar dicas de segurança na Internet. O projeto "Internet Segura", elaborado pela coordenação do órgão no município, tem como objetivo principal alertar as pessoas sobre os cuidados que devem ter ao acessar a internet.

A justificativa é que a internet está repleta de perigos que podem colocar a sua privacidade em risco. E-mails de spam, links suspeitos e golpes bancários estão entre os mais comuns da lista, e é preciso saber se proteger deles para não ter seus dados roubados ou vendidos no mercado negro como forma de lucro para cibercriminosos. Por isso, o NTE Tarauacá reuniu algumas importantes dicas para usar a Internet de forma segura e evitar hackers. 

Em reunião da equipe do NTE-TK com diretores das Rádios Difusora AM, Nova Era FM e Proprietário do Estúdio Voz de Ouro, o projeto foi apresentado e uma parceria foi firmada para gravação e divulgação dos Spots no período de 02 de abril a 31 de dezembro de 2020.

A coordenadora do NTE professora Maria Livramento (Jóia) agradeceu a parceria e disse que todos devem ser alertados sobre os perigos em que estamos expostos com a internet. "A internet é um universo aberto a todos. O que queremos é fazer uma campanha para alertar a população para ter os cuidados que deve ter ao cessá-la e evitar os contato com os que se aproveitam para a prática de crimes", destacou.

quarta-feira, 4 de março de 2020

Primeira escola de ensino fundamental integral inicia o ano letivo na Cidade do Povo


A Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esportes (SEE) deu início ao ano letivo da Escola de Ensino Integral Márcio Bestene Koury, localizada na Cidade do Povo, nesta semana, com uma nova proposta de educação integral. Na ocasião, foram distribuídos os kits escolares para todos os alunos.

A escola atende 65 crianças do ensino fundamental anos iniciais, no modelo integral e trabalha com oficinas de matemática e língua portuguesa, além de oferecer língua inglesa, projeto de vida e outros projetos.

A escola conta com 12 salas de aula, refeitório, laboratório de informática, brinquedoteca, sala de descanso e, além disso, tem um projeto de horta para ser implantada durante o ano. A unidade ainda disponibiliza 25 vagas para o 1º ano e 25 para o 2º ano.

Os alunos entram às 7h30 da manhã para assistir às aulas do currículo normal com os professores regentes, após o almoço os alunos têm o período do descanso e, durante o turno da tarde, as aulas são com os professores da parte diversificada como língua inglesa, artes e educação física. Nos momentos de educação física, as atividades são mais voltadas para coisas relacionadas a lazer, mas com regras e voltadas para o ensino.

A proposta defende que com mais tempo no ambiente escolar o estudante tem a possibilidade de ampliar os seus conhecimentos com atividades extracurriculares, acompanhado de perto pelos professores.

Os pais podem ficar despreocupados quando estiverem no trabalho, pois, enquanto as crianças estiverem na unidade escolar, estarão em um ambiente seguro e propício ao seu desenvolvimento.

O aluno do 2º ano, Guilherme Fernandes, 7 anos, comentou sobre a sua rotina antes de entrar para a escola integral. “Antes de estudar aqui, eu ficava em casa sozinho com meu irmão de 2 anos, até o meu padrasto chegar a tarde. Assistíamos televisão, eu fazia comida para nós e quando meu irmão dormia eu brincava um pouco na rua, todo dia era assim. Aqui é bem legal e a comida é muito gostosa”.

“Eu acredito no ensino integral e essa comunidade precisa muito. Assim como o Guilherme tem muitas outras crianças aqui no bairro precisando. O pai precisa deixar o filho o dia inteiro na escola”, destacou a professora Simone Queiroz, gestora.

Outro ponto forte da escola integral é que as crianças já estão na instituição e são incentivadas a participar ativamente das atividades disponibilizadas. Estas ações são fundamentais para o desenvolvimento cognitivo, motor, social e cultural dos alunos.

Esse novo modelo traz também o protagonismo infantil, onde os alunos vão ter aulas de empreendedorismo, vão construir o projeto de vida, desde pequenos já vão caminhar traçando uma meta para o futuro e decidir o que eles vão querer ser quando crescerem.

“Essa escola é piloto, é tudo muito novo para nós e para a SEE. Estamos aprendendo, montando e sempre alinhando as coisas para que tudo venha a dar certo, mas é um aprendizado, um estudo diário”.

Simone destacou que a escola é piloto e que ainda está alindando as coisas com a SEE para que tudo dê certo. “É um projeto lindo, eu acredito que vai dar muito certo, já está dando certo. Os pais estão apostando muito nisso, eles estão acreditando que essa escola vai fazer a diferença na vida das crianças”, pontuou.

Agência de Notícias do Acre

terça-feira, 3 de março de 2020

NÚCLEO DE EDUCAÇÃO PROMOVE I FORMAÇÃO UNIFICADA PARA DOCENTES EM 2020 - ANOS INICIAIS, FINAIS E MÉDIO


O Núcleo de Educação Estadual em Tarauacá, realizou a 1ª Formação Docente Unificada da Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esportes (SEE), destinada aos professores e também os coordenadores pedagógicos das escolas da rede estadual no município.

Nas Escolas São José e Plácido de Castro foi realizada a formação unificada para os professores do ensino fundamental, anos iniciais, profissionais do ensino fundamental e anos finais. 

Na escola João Ribeiro, a formação foi exclusiva para os professores que trabalham no ensino médio regular.


Na Formação Unificada para Docentes enfatizou-se o tema "O Planejamento Escolar pautado na formação integral do aluno, no desenvolvimento de projetos e o uso efetivo dos instrumentos de rede", com os seguintes objetivos:

- Retomar os conhecimentos adquiridos inerentes ao Currículo de Referência Único do Acre; 

- Reconstruir ações pertinentes ao desenvolvimento da integração curricular com os princípios que o professor deve ter para uma aprendizagem de qualidade; 

- Conhecer o Decreto 9.765/2019 que instituiu a Política Nacional de Alfabetização – PNA; 

- Refletir sobre a utilização dos Instrumentos de Rede e sua dinâmica de aplicação na escola; 

- Orientar acerca da organização e execução dos Instrumentos de Rede na escola, principalmente no que concerne ao Plano de Curso Comum; 

- Entender a avaliação diagnóstica como um processo primordial e ponto de partida para o trabalho na escola; 

- Compreender que o processo diagnóstico deve ser feito continuamente a fim de perceber a real necessidade dos alunos; 

- Reforçar o entendimento acerca de propostas de atividades que atuem durante todo o ano letivo em cima de temas como programa de leitura, inclusão curricular do tema étnico-racial e acolhida dos alunos. 


Nos Anos Finais, a formação pautou-se no tema "As ações pedagógicas e o planejamento escolar pautados no Currículo de Referência Único do Acre, a partir de projetos e metodologias ativas", apresentando os seguintes objetivos:

- Recepcionar os participantes de forma acolhedora, com intenção de desenvolver o relacionamento interpessoal e a comunicação.

- Retomar o processo formativo inicial do Currículo de Referência Único do Acre, ano 2019, para o Ensino Fundamental Anos Finais, reescrito à luz da Base Nacional Comum Curricular – BNCC, que considera o desenvolvimento de competências e a formação integral dos alunos.

- Ponderar, a partir de estudo de caso, com relação à importância das habilidades socioemocionais presentes no Currículo de Referência Único do Acre.

- Retomar o conceito de competência e habilidade, bem como outros termos relacionados ao Currículo de Referência Único do Acre.

- Refletir sobre a função do coordenador pedagógico e docente, enfatizando a importância de suas ações voltadas para o ensino na escola.

- Enfatizar a importância dos Instrumentos de Rede e sua aplicabilidade na rotina escolar.

Evidenciar a Equipe Docente e pedagógica como facilitadoras e incentivadoras dos projetos desenvolvidos na Escola.

- Vivenciar com os professores uma metodologia ativa World café com o objetivo de estimular o corpo docente a adotar metodologias voltadas para o protagonismo e aprendizagem dos alunos;

- Apresentar as mudanças em cada componente que o Currículo de Referência Único do Acre proporciona concernente aos professores, aos alunos, ao planejamento, às metodologias e às relações entre os componentes.


A Escola de Ensino Médio João Ribeiro trabalhou os seguintes temas: 

- TGE – Tecnologia de Gestão Educacional aplicada aos instrumentos de Rede (PGP, Plano de Curso e Sequência Didática).

- Articulação das ações estratégicas no planejamento docente.

- Marcos legais da Base Nacional Comum Curricular.

Articulação do Currículo de Referência Único de Ensino Médio do Acre com a BNCC - Estrutura da BNCC (Base Nacional Comum Curricular) no contexto da Educação Básica.



 

Comunicação / Núcleo de Educação
Tarauacá-Acre 

segunda-feira, 2 de março de 2020

Educação empossa nova diretoria da Escola de Música

O secretário de Educação, Cultura e Esportes (SEE), professor Mauro Sérgio Cruz, empossou na tarde desta quinta-feira, 27, a nova diretoria da Escola de Música do Acre (Emac). A partir de agora, o capitão da PM, Joyb Ramos, estará à frente dos trabalhos, juntamente com as professoras Rosicler Zanella e Regina Coeli Oliveira, que assumem como coordenadoras pedagógicas.

Na solenidade de posse, que contou com a participação da banda da PM, o secretário Mauro Cruz enfatizou a importância que a Escola de Música tem para a rede de ensino. “Para nós, esta escola representa a cereja do bolo, pois é com a música que a alma se liberta das dificuldades”, disse.

Escola de Música foi revitalizada pelo Governo do Estado Foto: Mardilson Gomes/SEE
Para ele, a nova direção que assume é competente e tem tudo para fazer um trabalho diferenciado a partir da nova estrutura que foi disponibilizada no espaço pelo governador Gladson Cameli. “O governador melhorou esse espaço, confia em nosso trabalho”.

Além do governador, o vice-governador Major Rocha e o comandante da PM, coronel Ulisses Araújo, foram lembrados pelo secretário pelo apoio e pelo empenho dados para que a Escola de Música pudesse ser reestruturada. A meta é transformá-la em um grande conservatório.

O secretário lembrou ainda que a Escola de Música faz parte do quinto eixo previsto na Base Nacional Comum Curricular (BNCC), que oferece um ensino técnico-profissional. “É um itinerário formativo que está previsto na BNCC”, afirmou.

Escola de Música irá descobrir novos talentos Foto: Mardilson Gomes/SEE
Com as matrículas previstas para acontecer a partir da semana que vem, ele espera que a Emac possa acolher a juventude. “Essa escola tem valor para a nossa gestão, nossos alunos precisam dessa escola e a nossa missão é acolher bem a juventude, pois a educação musical tem essa capacidade de fazer o bem”, lembrou.

O novo diretor da Emac, capitão Joyb Ramos, destacou o momento de alegria e felicidade ao assumir a responsabilidade de estar à frente da escola. “Essa gestão tem se preocupado com o desenvolvimento educacional e vamos utilizar esse espaço como elemento transformador de vidas”, disse.

Cursos – Os cursos disponibilizados pela Emac para o ano de 2020 são:

Musicalização infantil;
Violino;
Violoncelo;
Violão;
Guitarra;
Contrabaixo elétrico;
Cavaquinho;
Flauta;
Clarinete;
Piano;
Canto;
Canto coral e
Musicalização para a terceira idade.

Agência/Acre

Bujari ganha sede própria do núcleo da Secretaria de Educação

Um dia histórico. Assim pode ser considerada esta sexta-feira, 28, para o Bujari, a 28 km de distância de Rio Branco. É que o município ganhou uma sede própria do núcleo da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes (SEE). A sede fica localizada em um antigo espaço que estava abandonado.

Da solenidade de inauguração do núcleo participaram o secretário Mauro Sérgio Ferreira da Cruz (SEE), o presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Nicolau Júnior, o prefeito Romualdo Araújo, a coordenadora do núcleo no município, professora Zilmar Almeida e a professora Nabiha Bestene, que assessora os núcleos do interior.

Professora Zilmar Almeida e o secretário Mauro Cruz na inauguração do Núcleo do Bujari Foto: Mardilson Gomes
Com a inauguração, a SEE poderá melhorar e maximizar o atendimento a professores e gestores que buscam o núcleo todos os dias. Outra vantagem é o espaço, por ter sido cedido pela prefeitura, não é alugado, permitindo economia para o Estado, uma política da gestão do professor Mauro Sérgio Cruz.

A professora Zilmar Almeida, além de agradecer o governador Gladson Cameli, lembrou os investimentos realizados pela SEE ao longo do ano passado, como a reforma e revitalização de 9 das 23 escolas estaduais no município, o programa de saúde dental, além de uma importante edição do Viver Ciência. “A SEE não tem medido esforços para alcançar a qualidade do ensino em nosso município”, lembrou.

O prefeito Romualdo Araújo lembrou a importância do investimento feito pelo Governo do Estado. Segundo ele, era um espaço que estava abandonado e a prefeitura, sozinha, não teria como manter. “Esse antigo centro cultural era municipalizado e a prefeitura não tinha condições de mandar arrumar esse espaço”, reconheceu.

Secretário Mauro Cruz lembrou os investimentos do governo na Educação Foto: Mardilson Gomes.
O secretário Mauro Cruz também lembrou os investimentos que o governo tem feito no município. A inauguração do núcleo é o segundo que a SEE realiza em menos de 15 dias. O primeiro núcleo a ser entregue completamente revitalizado foi o de Brasileia.

“Esse espaço estava totalmente abandonado e em desuso, mas agora o governador Gladson Cameli está entregando um presente para o município do Bujari. E o maior presente, sem dúvida, são os projetos e decisões que saem daqui para melhorar a qualidade do ensino e essa qualidade tem sido um compromisso da nossa gestão”, disse.
Investimentos

Durante a inauguração da sede do núcleo do Bujari, o secretário Mauro Sérgio Cruz fez questão de lembrar o esforço que tem sido realizado pelo governador Gladson Cameli em prol da Educação. Somente no ano passado foram mais de 400 escolas reformadas e revitalizadas. Agora, somente nos dois primeiros meses do ano, já são 120.

De acordo com o secretário, são investimentos que irão continuar e, mais do que isso, aumentar. Lembrou do esforço do governador para fornecer duas refeições diárias aos alunos e distribuir fardamento gratuitamente para mais de 150 mil estudantes, recursos que para este investimento somam mais de R$ 20 milhões.

Somente em 2020, 120 escolas já foram reformadas e revitalizadas pelo governo Foto: Mardilson Gomes
Ele também lembrou a política de informatizar as escolas do estado com a distribuição de computadores para as escolas, o que irá ajudar os profissionais da área administrativa. Também laboratórios móveis estarão sendo disponibilizados e a distribuição dos livros paradidáticos, “para que a gente possa estar fomentando leitores e escritores em nossas escolas”.

“Começaremos também esse ano a trabalhar visando a preparação do Saeb com o novo Ideb, projeto que a Secretaria tem. Estamos levando também oficinas de práticas de leituras para as escolas. Tudo isso a SEE vem fazendo para melhorar não apenas a estrutura da escola, mas para melhorar o aprendizado dos nossos alunos”, afirmou o secretário.

Agência/Acre

terça-feira, 18 de fevereiro de 2020

Educação profissional abre processo seletivo para mediador na área de gastronomia

O Instituto Estadual de Educação Profissional e Tecnológica (Ieptec) abriu processo seletivo simplificado para contratação de mediadores de aprendizagem horistas na área de gastronomia.
Os mediadores comporão a equipe técnica da Escola de Gastronomia e Hospitalidade Miriam Felício, localizada no bairro Cidade do Povo. Ao todo, foram destinadas oito vagas entre os cursos de Formação Inicial e Continuada (Fics) nas áreas de confeiteiro (1), salgadeiro (3), padeiro (2) e pizzaiolo (2).
As inscrições iniciaram nesta segunda e estendem-se até quarta-feira, 19. Os interessados devem dirigir-se à sede do Ieptec, em Rio Branco, ao lado da Escola Humberto Soares, no horário das 8h30 às 11h30 e das 14h30 às 17h30.
Os mediadores comporão a equipe técnica da Escola de Gastronomia e Hospitalidade Miriam Felício Foto: Marcos Vicentti
Os candidatos devem ter como requisito mínimo, diploma de conclusão de nível médio, certificação profissional na área de específica.
O público-alvo dos cursos onde os mediadores atuarão será, sobretudo, composto por comunidades com elevados índices de vulnerabilidade social beneficiados por programas assistencialistas do governo federal.
O mediador de aprendizagem horista receberá o valor de R$ 30 por hora/aula. Os recursos são provenientes de uma parceria firmada entre o Governo do Estado do Acre e a Superintendência de Desenvolvimento da Amazônia (Sudam).

 As fases

O certame conta com duas fases: a primeira consiste em análise curricular e documental (títulos); e a segunda em prova didática (elaboração de planejamento e apresentação de aula expositiva). Ambas terão caráter classificatório e eliminatório.
As dúvidas referentes ao certame e ao edital podem ser encaminhadas à Comissão do Processo Seletivo no endereço eletrônico: processoseletivo.ieptec@gmail.com.
Para conferir o edital na íntegra, basta clicar aqui.