sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Estrangeirismos

O uso de palavras estrangeiras no vocabulário próprio da Internet, em placas, em instruções de montagem e nas próprias conversas entre as pessoas tem sido muito questionado. O que você pensa a respeito? Dê sua opinião.

Um comentário:

  1. Sou totalmente contra.

    Partindo da premissa que a língua é um instrumento social e não individual, torna-se perigoso aceitarmos esse angliquismo com naturalidade, a história nos mostra que uma invasão física, começa anos e anos antes com uma invasão cultural.
    Não generalizando, claro, mas os jovens de hoje em dia são verdadeiras bolhas humanas, fazem o que os outros falam, sem capacidade de discernir e ter opinião própria sobre vários assuntos, pois não tem o costume de ler. Observe nossa cultura já infectada por esse Hallowenn e veja se lá eles “promovem” uma festa junina, por exemplo.
    Na França você tem que falar francês, e eles é que estão certo.
    Esse “GAP” (olha eu aí me deixando influenciar), cívico, moral e anti-militar, vai custar muito caro para nosso país. Se é que alguém se importa.
    abraços

    ResponderExcluir