quinta-feira, 21 de julho de 2011

Formação de professores para a Olimpíada de Língua Portuguesa

O QUE VOCÊ VAI LER NAS FÉRIAS?????
Veja algumas sugestões retiradas da Comunidade Virtual de Língua Portuguesa.


1- Resmungos, Ferreira Gullar (Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2006).
“Perfeição estética, arranjo harmonioso entre texto e ilustração. É essa sintonia que cada página do livro Resmungos reserva ao leitor. Crônicas instigantes do poeta Ferreira Gullar retratam o cenário político, temas sociais, ideias e evocações, entremeadas por aquarelas, xilogravuras, colagens, intervenções computadorizadas, do artista plástico Antonio Henrique Amaral.
Ficou interessado? Espero que sim. E, para aguçar ainda mais o futuro leitor, nada melhor que a vez do poeta “(...) não espere demasiado deste cronista bissexto. Farei o possível para não ser chato nem gaiato demais. Dificilmente evitarei algumas críticas ácidas, pois muito das coisas que leio nos jornais e vejo na televisão me deixam irritado a resmungar com meus botões. Aqui terei oportunidade de fazê-lo em público. Por isso, em muitas ocasiões, o leitor não encontrará aqui crônicas propriamente e sim resmungos."


2- Calvino, Ítalo. Seis propostas para o próximo milênio. São Paulo: Cia das Letras, 1990.


Ítalo Calvino é bem conhecido por seus contos, romances e ensaios críticos. Com prazer, li ou assisti adaptações para o teatro de As cidades invisíveis, O Barão nas árvores, Visconde partido ao meio e Os amores difíceis. Gosto muito do célebre ensaio que abre Por que ler os clássicos. Por tudo isso, comprei há uns dois anos e desde então flerto com suas Seis propostas para o novo milênio, que são originalmente conferências feitas pelo autor na universidade de Harvard, nos Estados Unidos. Infelizmente o autor faleceu e não escreveu uma delas, dedicada à “consistência”. Por isso, temos a exposição de apenas cinco dos seis valores literários propostos por ele: leveza, rapidez, exatidão, visibilidade e multiplicidade.

3-Filandras, Adélia Prado (Record, 2001).


“Recomendo a leitura do Livro Filandras de Adélia Prado, publicado pela Record. Trata-se de uma obra singela e preciosa. É um pequeno livro de contos que retrata com poesia singular (traço típico dos escritos de Adélia) as forças e fragilidades do ser humano, nas situações corriqueiras do dia a dia, e em especial as das mulheres. É um autêntico livro de cabeceira ao qual você sempre retorna quando quer povoar a mente de belos pensamentos, antes de dormir.
Uma pílula para despertar o desejo de ler:

Lembranças

Hoje estou melancólica e suspirosa como minha mãe, choveu muito, a água invadiu este porão de lembranças, bóiam na enxurrada a caminho do rio. Deixo que naveguem, pois não as perderei. O rio é dentro de mim.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário