domingo, 11 de dezembro de 2016

Sete escolas públicas terão aulas em tempo integral

Ensino integral é uma prioridade para a melhoria dos índices educacionais do Acre (Foto: Diego Gurgel/Secom)
O Ministério da Educação (MEC) aprovou nesta sexta-feira, 9, todas as sete escolas da rede pública de ensino que o governo do Acre pleiteava para funcionarem em tempo integral. A notícia foi comemorada pelos técnicos da Secretaria de Estado de Educação e Esporte (SEE), que obteve a conquista graças também a diversos institutos que auxiliaram a pasta a obter a aprovação.

Trata-se de um novo marco na história da educação pública no Acre. A provação mostra que o MEC tem plena confiança na competência e no trabalho de nossos educadores, para que essas escolas ofereçam um ensino de qualidade a nossos adolescentes”, comemorou o secretário de Educação, Marco Brandão.

A divulgação dos nomes das escolas será feita em um segundo momento, embora já tenha marcado uma reunião de apronto com todas as equipes de gestão escolar.

O gestor ressaltou que a SEE não está somente aumentando a jornada escolar, mas diversificando o processo de aprender e ensinar.

Esse modelo de escola pauta-se no Projeto de Vida e no protagonismo dos jovens. É uma escola dinâmica, que busca fortalecer a formação acadêmica dos jovens, em uma formação transdiciplinar e com amplo processo de colaboração entre todos os segmentos da comunidade escolar: pais, instituições de governo e iniciativa privada”, completa Brandão.

Um aspecto fundamental é que os alunos também desenvolvem competências e habilidades sintonizadas com o século 21, ou seja, mais interação com o nosso tempo.

Na escola tradicional, o estudante tem de três a quatro horas de aula por dia. Já na educação integral, todos os alunos atendidos cursam as mesmas disciplinas e oficinas no contraturno escolar, e os professores procuram mostrar como se relacionam as diversas áreas do conhecimento.

Outras vantagens da escola em tempo integral são a melhora do rendimento escolar, o preenchimento das necessidades extracurriculares de seus alunos, a tranquilidade dos pais e um melhor aproveitamento do tempo ocioso.

Fonte: Agência de Notícias do Acre

Nenhum comentário:

Postar um comentário