segunda-feira, 21 de agosto de 2017

OS DESAFIOS DO ACOMPANHAMENTO PEDAGÓGICO RURAL NAS TURMAS QUERO LER


O acompanhamento pedagógico é sem dúvida o método mais eficaz em qualquer metodologia de ensino. Ele possibilita um planejamento de qualidade e uma ação imediata no ensino aprendizagem, no entanto, é um desafio, principalmente quando se trata de turmas localizadas na zona rural em comunidades distantes.

O Coordenador do Programa Quero Ler, Francisco das Chagas Silva de Souza e o técnico Francisco de Assis Lima Ferreira, com apoio do Núcleo de Educação, realizaram durante 04 dias uma viagem na BR 364 sentido Tarauacá/Cruzeiro, nas comunidades: Acuraua, Gregório, Tauary e Alto Rio Tauary-Comunidade Ariramba, com o objetivo de acompanhar o desempenho das turmas dos professores Marciclei Costa Lima, Maria Alves dos Santos Souza, Francisca Elizângela Fernandes e Antonia Delcy dos Santos. 


A viagem foi realizada de moto e barco até as comunidades onde funcionam as turmas do Quero Ler. “Podemos dizer que os alunos estão frequentando, aprendendo e satisfeitos. O que nos deixa com a certeza de estarmos contribuindo com a formação para tirar as pessoas não alfabetizadas da escuridão das letras e dos números e ajudá-lo a entrar no mundo do letramento”, afirmou o coordenador. Mesmo diante de todos os desafios é gratificante chegar nas turmas e encontrar pessoas lendo e escrevendo pela primeira vez”, finalizou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário