sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

NÚCLEO DE EDUCAÇÃO REÚNE SEGMENTOS DA ESCOLA DJALMA BATISTA PARA DEBATER ENSINO EM TEMPO INTEGRAL.


A Professora Francisca Aragão Leite, Coordenadora do Núcleo Estadual de Educação em Tarauacá, acompanhado do Coordenador de Gestão do órgão Professor Cláudio Júlio, se reuniu com equipe gestora e segmentos de professores e servidores administrativos da Escola Estadual de Ensino Médio Dr. Djalma da Cunha Batista.


O encontro aconteceu no auditório da unidade na tarde desta quinta feiram 30 de novembro e teve como pauta principal, a implantação do ENSINO DE TEMPO INTEGRAL na escola em 2018.


A Professora Aragão disse que na próxima semana participará de um grande encontro em Rio Branco para tratar do tema. "Estou aqui para ouvir vocês, as preocupações de todos, as principais dúvidas e levar para o debate a Secretaria de Educação", disse a coordenadora. 


A previsão é que a escola Djalma Batista passe a funcionar em tempo integral no ano que vem, onde o aluno entrará às 7h30 da manhã, saindo somente às 17 h, e tendo direito a três refeições diárias.


A escola Djalma Batista conta atualmente com 1000 alunos em três turnos. O número de alunos para o próximo ano ainda está sendo estudado e deverá ficar na média de 600. O ensino Integral é aguardado com expectativa por toda a comunidade escolar. 


E para garantir as condições de funcionamento da escola Djalma Batista em tempo integral o governo do Estado também fará a sua parte reformando e ampliando os espaços onde os alunos passarão a ter o ensino a partir dessa nova metodologia, fazendo adequações como por exemplo construção de novos banheiros com chuveiros, vestiários, ampliação de salas, crianção de novas salas e acessibilidade, e aquisição de equipamentos, são alguns desses investimentos.


A matriz curricular proposta está dentro da nova visão de educação que leva em conta uma base nacional comum, com componentes curriculares obrigatórios e uma parte diversificada, onde haverá disciplinas eletivas, práticas experimentais e estudos orientados.



Nenhum comentário:

Postar um comentário