quinta-feira, 22 de março de 2018

NÚCLEO DISCUTE EDUCAÇÃO DE JOVENS INFRATORES.


A professora Francisca Aragão participou de uma reunião, com a Juíza Doutora Ana Paula Sabóia, da Vara Cível, Coordenadoras das Medidas Sócio Educativas de Feijó e Assessora da EJA Professora Marina Machado.

Na pauta essas importantes mulheres discutiram uma alternativa para a educação de jovens que cumprem medidas sócio educativas em Feijó.

Atualmente, eles estudam e, quando são colocados em liberdade jovens geralmente interrompem o estudo. "A ideia é que esses jovens quando saírem do centro sócio educativo, continuem estudando aqui fora, mesmo que estejam no cumprimento da pena.  Em cada situação dessa  o jovem será levado ao Núcleo Estadual de Educação na companhia de sua família para o encaminhamento e matrícula em alguma escola, de acordo com a modalidade do curso", destacou. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário