quarta-feira, 31 de outubro de 2018

Servidores reconhecem esforço do governo Tião Viana no pagamento dos salários em dia

O governo do Estado depositou nesta quarta-feira, 31, cerca de R$ 257 milhões referente ao pagamento do salário dos servidores públicos. Com isso, o governo de Tião Viana chega à marca de 94 meses de salários pagos em dia durante sete anos, além dos 13º também pagos corretamente.

Cerca de 50 mil servidores, entre ativos, pensionistas e aposentados, fazem parte da folha de pagamento do Estado. Para muitos, mesmo com o Executivo cumprindo suas obrigações constitucionais de repasses, este é um momento de reconhecimento, já que a crise financeira e política que tem assolado o país desde 2015 fez com que vários estados não fossem capazes de cumprir seus compromissos.

Segundo levantamento feito pela equipe da Notícias do Acre junto às assessorias de todos os 26 Estados e do Distrito Federal, nove unidades da federação estão com salários dos servidores atrasados e/ou parcelados. São eles: Amapá, Goiás, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Roraima, Sergipe e Tocantins.

“Esse governo tem compromisso com o funcionalismo público”, destaca Maria Isabel (Foto: ASCOM/SEE)

Passado indesejado

Para se ter uma ideia da gravidade que é atrasar salários de servidores, em 1998 o Acre viveu um colapso administrativo e financeiro, com o governo passando por um total descontrole e desequilíbrio fiscal, econômico e político. Salários atrasaram e com isso o frágil mercado do estado viveu um período obscuro, com pouca movimentação de capital.

“Eram tempos muito difíceis. Lembro que quando atrasava salário era muito complicado. O que mais me deixava triste era não poder comprar as coisas pra minha filha, que era pequena na época. A gente não podia comprar, porque não sabia quando ia receber. Hoje é diferente. A gente pode se programar, porque sabe que o dinheiro vai cair na conta no final do mês”, relembra Gladysend da Silva, servidora da Secretaria de Saúde há 25 anos.

Maria Isabel da Costa Lima, que entrou no governo do Estado pela Secretaria de Educação como apoio administrativo em 1977, reforça que passou por muitas situações, valorizando sempre o pagamento dos servidores em dia.

“A gente fica feliz por esse compromisso com nós servidores, porque é muito constrangedor ficar com o seu pagamento atrasado. Você vai à loucura e nós já passamos por isso de passar três meses sem. Então a gente fica feliz hoje em dia porque sabe que podemos contar com nosso salário em dia para pagar as contas. Esse governo tem compromisso com o funcionalismo público”, conta a senhora.

“Hoje é um dia importante para o servidor público e pro comércio é outro dia significativo porque vai aquecer a economia, movimentar dinheiro que mantém todas as cadeias”, opina Lucenildo (Foto: Gleilson Miranda/Secom)
Presente pelo compromisso

Só o Acre perdeu nos últimos dias cerca de R$ 70 milhões no repasse do Fundo de Participação do Estado (FPE) em 50 dias.

Ainda assim, o Estado segue há 20 anos com o pagamento em dia dos salários dos servidores ativos e benefícios dos aposentados e pensionistas do Estado, mesmo com a severa redução de repasses federais da União nos últimos sete anos. Tais cortes fizeram com que o Executivo acreano perdesse mais de R$ 1,2 bilhão durante toda a última gestão. E só a previdência do Estado causa um déficit de R$ 40 milhões mensalmente.

Lucenildo Lima da Silva, coordenador de Redes do Sistema Público de Comunicação, é um dos que reconhece todos esses esforços pela manutenção da folha de pagamento do Estado.

“Hoje é um dia importante para o servidor público porque estamos recebendo em dia o salário, e pro comércio é outro dia significativo porque vai aquecer a economia, movimentar dinheiro que mantém todas as cadeias. É claro que é obrigação do gestor pagar em dia, mas temos que destacar o esforço que o governo tem feito pra manter os salários de todos os servidores”, destaca Lucenildo.

Bruno Torres, professor efetivo do Estado desde 2013, valoriza os esforços do governo principalmente pela estabilidade relacionada ao concurso público.

“Uma das grandes vantagens do concurso público efetivo é a estabilidade, a certeza de que você vai receber em dia. E nada é mais justo do que receber pelo trabalho prestado. Estamos recebendo nossos salários em dia, com a única mudança nesses anos de recebermos agora no último dia útil do mês.”


fonte: AC24Horas

terça-feira, 30 de outubro de 2018

Governo paga R$ 257 milhões em salários nesta quarta

Com mais um mês de salário depositado corretamente neste 31 de outubro, o governo do Estado do Acre chega a marca de 94 meses de salários pagos em dia em sete anos da gestão de Tião Viana, sem contar os 13° destes anos, também pagos regularmente.

Segundo levantamento feito pela equipe da Notícias do Acre junto às assessorias de todos os 26 Estados e do Distrito Federal, nove unidades da federação estão com salários dos servidores atrasados e/ou parcelados. São eles: Amapá, Goiás, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Roraima, Sergipe e Tocantins.

O momento de recessão econômica e crise política que o país atravessa desde 2015 resultou em grandes dificuldades no compromisso dos Estados da Federação. Mas reafirmando seu compromisso com os servidores, o governo do Acre injeta mensalmente com os pagamentos aos servidores públicos do Estado cerca de R$ 257 milhões, o que exige bastante habilidade da equipe financeira do governo em gestão e controle de recursos.
Superando perdas

Só o Acre perdeu nos últimos dias cerca de R$ 70 milhões no repasse do Fundo de Participação do Estado (FPE) em 50 dias. A situação atingiu esse ponto por conta de o período ser o de menor receita na arrecadação da União e na mudança na base de cálculo do imposto de renda. Ainda assim, o valor foi muito abaixo do esperado.

Ainda assim, o estado segue há 20 anos com o pagamento em dia dos salários dos servidores ativos e benefícios dos aposentados e pensionistas do Estado, mesmo com a severa redução de repasses federais da União nos últimos sete anos. Tais cortes fizeram com que o Executivo acreano perdesse mais de R$ 1,2 bilhão durante toda a última gestão. E só a previdência do Estado causa um déficit de R$ 40 milhões mensalmente.

Mesmo com tamanha perda, o governador Tião Viana marcou sua gestão por aumentos de salários para a maioria das categorias de servidores e a realização dos maiores concursos públicos do Estado, com destaque para contração de professores e técnicos da saúde, além do andamento de um concurso para contração de 500 novos policiais civis e militares.
Encerrando a gestão

No encerramento da gestão e com o corte de repasses federais, o governo está reformulando quais medidas administrativas serão necessárias para que chegue ao fim de dezembro dentro do que é a normalidade de saneamento, em obediência à Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Ações estão sendo finalizadas, com secretarias e cargos de livre nomeação sendo liberados para repassar à equipe do governador eleito.

Isso não afeta em nada a entrega de obras estratégicas, que seguem com recursos garantidos, como a finalização do Hospital Regional do Alto Acre, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Cruzeiro do Sul, a nova etapa do Complexo Estadual de Neurocirurgias, Traumatologia e Reabilitação e a verticalização do Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb) nas próximas semanas.

Além disso, também estão garantidos que os serviços básicos de saúde, educação e segurança pública não irão ser afetados durante a transição.

Segundo o porta-voz do governo, Leonildo Rosas: “O governo da gestão de Tião Viana garante entregar o Estado com todas as contas em dia para a próxima gestão e com R$ 1,3 bilhão em caixa para investimentos”.
Agência - Acre

segunda-feira, 29 de outubro de 2018

ATRAVÉS DE MENSAGEM EM VÍDEO, PROFESSORA FRANCISCA ARAGÃO FAZ HOMENAGENS AOS FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS


No dia 28 de outubro, comemora-se em todo o país, o Dia do Funcionário Público. Esse ano de 2018 a data coincidiu com o domingo de realização do segundo turno da eleição para presidente e governadores, sendo que muitas comemorações tiveram que ser transferidas para essa semana. No vídeo abaixo uma homenagem aos funcionários públicos pela professora Francisca Aragão.



Em Tarauacá a Professora Francisca Aragão, Coordenadora Geral do Núcleo Estadual de Educação, foi homenageada nesta segunda feira (29), pelos servidores do núcleo, por conta da passagem de seu aniversário. Na oportunidade, Aragão fez também suas homenagens a todos os funcionários publico pela passagem de seu dia. 


 DIA DO SERVIDOR PÚBLICO - No dia 28 de outubro comemora-se o dia do funcionário público. A data foi instituída no governo do presidente Getúlio Vargas, através da criação do Conselho Federal do Serviço Público Civil, em 1937.

Em 1938 foi fundado o Departamento Administrativo do Serviço Público do Brasil, onde esse tipo de serviço passou a ser mais utilizado.

As leis que regem os direitos e deveres dos funcionários que prestam serviços públicos estão no decreto nº 1.713, de 28 de outubro de 1939, motivo pelo qual é o dia da comemoração desse profissional.

Em 11 de dezembro de 1990, foi publicado o novo Estatuto dos Servidores Públicos Civis da União, das autarquias e das fundações públicas federais, a Lei nº8112, alterando várias disposições da antiga lei, porém os direitos e deveres desses servidores estão definidos e estabelecidos na Constituição Federal do Brasil, além dos estatutos das entidades em que trabalham.

Os serviços públicos estão divididos em classes hierárquicas, de acordo com os órgãos dos governos, que podem ser municipais, estaduais ou federais. Os serviços prestados podem ser de várias áreas de atuação, como da justiça, saúde, segurança, etc.

Para ser servidor público é preciso participar de concursos e ser aprovado no mesmo, garantindo assim a vaga enquanto profissional. O bom desse tipo de trabalho é que o servidor tem estabilidade, não pode ser dispensado de suas funções. Somente em casos extremos, em que se comprove a falta de idoneidade de um funcionário público, é que o mesmo é afastado de seu cargo.

Os salários dos funcionários públicos são pagos pelos cofres públicos, dependendo da localidade. Se for municipal, são pagos pelas prefeituras; se estadual, pelos governos estaduais; e se federal, pagos pelos cofres da União.

Os servidores públicos devem ser prestativos e educados, pois trabalham para atender a população civil de uma localidade. É comum vermos pessoas reclamarem dos serviços públicos, da falta de recursos dos mesmos, falta de profissionais para prestar os devidos atendimentos ou até mesmo por estes serem mal educados e ríspidos com a população. É bom enfatizar que esses profissionais lidam com o que é público, ou seja, aquilo que é de todas as pessoas. Portanto, ganham para prestar serviços a toda comunidade.

Por Jussara de Barros
Graduada em Pedagogia
Brasil Escola

Assessoria/Núcleo/Tarauacá

SERVIDORES DO NÚCLEO DE EDUCAÇÃO PROMOVEM CAFÉ DA MANHÃ PELA PASSAGEM DO ANIVERSÁRIO DA PROFESSORA FRANCISCA ARAGÃO


Servidores lotados no Núcleo Estadual de Educação em Tarauacá, promoveram um café da manhã para homenagear a Professora Francisca Aragão, pela passagem de seu aniversário. A agradável surpresa foi realizada na sede do próprio núcleo, na manhã desta segunda feira (29).  


Com direito a bolo e uma variedade de iguarias, todos celebraram cantando parabéns para aniversariante e desejando-lhe feliz aniversário.


Após cortar e provar do do bolo a educadora agradeceu a todos pela homenagem.





assessoria/nucleo

domingo, 28 de outubro de 2018

NOTA DE PESAR DO NÚCLEO DE EDUCAÇÃO PELO FALECIMENTO DO "DOUTOR BABA"


O Núcleo Estadual de Educação em Tarauacá, através de sua Coordenadora Geral, Professora Francisca Aragão Leite, em nome de toda a Rede Estadual de Educação, solidário aos seus familiares e amigos, manifesta seu profundo pesar pela perda precoce do Médico Rosaldo Firmo Aguiar, o "Doutor Baba".

Que Deus, na sua infinita bondade,  possa confortar todos nós. 

Francisca Aragão Leite - Coordenadora/Núcleo

Governo do Acre - Nota de pesar – Doutor Baba


Com profundo pesar e dor, junto com toda a equipe de governo, lamentamos o falecimento do médico Rosaldo Firmo de Aguiar França, conhecido como Doutor Baba. Ele foi vítima de um tiro em sua casa na noite deste sábado, 27, em Feijó. Nossas forças policiais estão totalmente mobilizadas para investigar o caso e prender os suspeitos.

Servidor exemplar, Dr. Baba fazia parte da equipe do Hospital e Maternidade de Feijó, onde trabalhava com muito zelo e atenção em seu atendimento. Salvou muitas vidas e ajudou com que a maternidade estivesse há um ano sem morte alguma.

Uma pessoa que alimentava sonhos, serviu desde 1988 no hospital da cidade, passando por todas as áreas até se tornar médico. Recentemente, realizava também atendimentos médicos ao longo dos rios da região, em comunidades distantes das cidades.

Dedicou sua vida à saúde da população do Acre e com jeito alegre, sorridente e trabalhador será sempre lembrado. Neste momento de dor, prestamos as mais sinceras condolências. O Estado declara três dias de luto oficial.

Rio Branco, 27 de outubro

Tião Viana
Governador

Nazareth Araújo
Vice-governadora

sábado, 27 de outubro de 2018

ESCOLA ESTADUAL ROSAURA MOURÃO MOBILIZA COMUNIDADE CONTRA MOSQUITO DA DENGUE


Alunos e professores da escola Rosaura Mourão participaram, na manhã deste sábado dia 27 de outubro, de uma caminhada de mobilização e prevenção ao mosquito Aedes Aegypti nas ruas do Bairro da Praia em Tarauacá.


Para a Diretora Professora Cíntia Veras, a atividade surgiu em meio a necessidade de mobilizar a comunidade para a prevenção e combate a Dengue. "É preciso sensibilizar os alunos e a comunidade para que os mesmos se mobilizem sobre os cuidados que deve ter para evitar o crescimento de foco do mosquito. Auxiliando para a melhoria da comunidade escolar", disse. 

A Dengue é uma doença infecciosa transmitida pela picada da fêmea do mosquito.


AEDS AEGYPTI, que cresce assustadoramente causando um grande surto, preocupando os órgãos públicos.

Os principais sintomas são: febre, dores de cabeça, dores atrás dos olhos, e nas articulações. Segundo a Secretaria de Saúde, a Dengue é considerada um dos maiores problemas em nossa comunidade.

A fêmea do mosquito é exigente gosta de água parada para se reproduzir, qualquer lugar pode virar um criadouro como: pneus, garrafas vazias, caixas d`água destampadas, entulhos nos quintais, calhas, reservatórios de geladeira, tampinhas e outros.

"Nosso principal objetivo, e que nosso alunos reflitam sobre as necessidades de medidas preventivas contra a proliferação do mosquito da dengue para o bem estar social, valorizando a saúde e os meios de prevenção contra o mosquito", destacou Cíntia.

Identificar o mosquito transmissor do Aedes Aegypti:

 Sensibilizar a população sobre a contribuição de cada um na prevenção da dengue;
 Fornecer informações sobre a dengue, febre chikungunya e zica vírus a toda comunidade;
 Despertar no aluno o espírito combativo frente ao problema da dengue;

Durantes a semana foram desenvolvidas atividades como:
Música com tema relacionado à dengue;
Textos informativos sobre a dengue;
Cartazes informativos;

Neste sábado as atividades foram finalizadas com uma caminhada na comunidade para conscientização sobre a dengue, com a participação das turmas do 7º, 8º e 9º anos e poronga.

"Com a execução dessas atividades esperamos que nossa escola tenham contribuído para a sensibilização dos alunos e da comunidade na qual estão inseridos sobre como deve ser feito o combate contra a proliferação do mosquito evitando assim as doenças transmitidas pelo mesmo", finalizou a Diretora.











sexta-feira, 26 de outubro de 2018

PROFESSORA FRANCISCA ARAGÃO MINISTRA MAIS UMA PALESTRA PARA ALUNOS DE ENSINO MÉDIO EM TARAUACÁ


A Professora Francisca Aragão tem aproveitado o tempo do trabalho como principal gestora da rede de educação estadual em Tarauacá e tem  visitado escolas, conversado com os profissionais da educação, gestores e, principalmente, os estudantes. 


Na noite de quinta feira, visitou a Escola de Ensino Médio João Ribeiro e ministrou uma palestra para os estudantes da Educação de Jovens e Adultos.


Na conversa a educadora tratou de temas como como valores sociais, éticos, morais e familiares, perspectiva de futuro para os jovens, determinação na busca pela realização de sonhos, atitudes e cidadania. A palestra foi realizada no pátio da escola.

(assessoria Núcleo de Tarauacá)

Acre é o primeiro estado do país a emitir RG em novo formato

O Instituto de Identificação da Polícia Civil do Acre lançou nesta sexta-feira, 19, o novo formato para emissão do Registro Geral (RG). O documento segue um sistema padronizado com os demais estados e passa a conter mais informações sobre o cidadão. A partir da próxima semana, todos os RGs serão emitidos em novo formato, inclusive com o nome social de pessoas transgêneros.

Nova cédula de identidade consta informações como título de eleitor, tipagem sanguínea e nº da CNH de condutores (Foto: Sérgio Vale/Secom)
A nova plataforma é uma exigência do decreto nº 9.278, de 5 de fevereiro de 2018, segundo o qual a partir de 1º de março de 2019 os órgãos de identificação de todo o Brasil estarão obrigados a adotar os padrões de Carteira de Identidade contendo novas informações. O Acre é o primeiro estado a se adequar ao novo formato e disponibiliza os serviços a partir da segunda-feira, 22, na Central de Serviços Públicos (OCA).

“Essa é uma luta do próprio governo do Estado em conjunto com a Polícia Civil que enviou uma equipe a Brasília para definir o padrão do novo documento, inclusive saímos na frente e o modelo do Acre será padronizado com os demais estados brasileiros”, ressaltou o diretor do Instituto de Identificação do Acre, Sandro Rodrigues.

Ele completa que, a partir de agora, será praticamente tudo em um único documento. “Na verdade, todos os dados do cidadão serão os mesmos, o que vai ampliar é a inserção de outros documentos para que a cédula de identidade fique mais completa com informações adicionadas sobre carteira de habilitação [CNH], título de eleitor, tipagem sanguínea, entre outros”.

Novidade aprovada

Primeiros atendimentos realizados nesta sexta-feira, 19, foram aprovados por quem procurou (Foto: Sérgio Vale/Secom)
A autônoma Edilene Almeida buscou o atendimento e aprovou a novidade. Para ela, todas as informações necessárias em um único documento é uma questão de praticidade.

“Pra mim foi uma surpresa esse novo modelo de RG. Ele é muito bom, foi uma mudança acertada porque não preciso mais sair de casa com vários documentos, correndo o risco até mesmo de perder e ter que solicitar tudo novamente. A nova carteira de identidade vai facilitar muito a nossa vida”, disse Edilene.

Vale ressaltar que não é obrigatória a renovação do documento, caso ele esteja em boa conservação para uso. Apenas os próximos a serem emitidos terão mais informações acrescidas. Dessa forma, permanecem válidas as Cédulas de Identidade expedidas de acordo com os padrões anteriores ao decreto presidencial.

Agencia-Acre

quarta-feira, 24 de outubro de 2018

NÚCLEO DE EDUCAÇÃO MOBILIZA EDUCAÇÃO ESTADUAL CONTRA DENGUE, ZICA E CHIKUNGUNYA NO MUNICÍPIO


A Professora Francisca Aragão, Coordenadora Estadual de Educação, convocou setores ligados ao Governo do Estado em Tarauacá, especialmente, Secretaria de Educação como Escolas e Núcleo, para um encontro tendo como pauta principal o aumento da incidência de possíveis casos Dengue, Chikungunya e Zica no município. Presentes no encontro, equipes gestoras das escolas e do núcleo de educação, órgãos estaduais, vereadores e uma equipe da Vigilância e Controle de Endemias do Governo do Estado do Acre.  


"A ideia é mobilizarmos a sociedade tendo como referências nossas escolas para alertamos a população sobre ações que se deve desenvolver para o combate ao mosquito" disse Aragão.

No final ficou pactuado que haverá uma reunião nesta quinta feira (25) com a prefeita e equipe da secretaria municipal de saúde, onde será apresentado o Plano Municipal de Contingência de Combate a Dengue.


Como parte das ações ficou pactuado que no próximo sábado haverá mobilização nas escolas da rede estadual com objetivo alertar a população dos bairros sobre a doença. 

(assessoria)

terça-feira, 23 de outubro de 2018

Com o Quero Ler, governo alfabetiza quase cinco mil pessoas em Tarauacá


Criado por Tião Viana, o Quero Ler é o programa que almeja eliminar o analfabetismo no Acre até o final do ano, chegando a marca de 60 mil pessoas em todo o estado fora da idade escolar que finalmente aprenderam a ler e escrever (Foto: Sérgio Val/Secom)
Foi uma noite de muita comemoração para cerca de 1.200 jovens e adultos que se formaram pelo programa de alfabetização Quero Ler ainda no mês de setembro em Tarauacá, numa solenidade especial com a presença do governador Tião Viana. Foi a conclusão da terceira etapa do programa no município que comemora ter ensinado 4.950 pessoas a ler e escrever.

Criado por Tião Viana em sua segunda gestão, o Quero Ler é o programa que almeja eliminar o analfabetismo no Acre até o final do ano, chegando a marca de 60 mil pessoas em todo o estado fora da idade escolar que finalmente aprenderam a ler e escrever.

Em Tarauacá, além da incrível marca de quase cinco mil pessoas alcançadas pelo revolucionário programa, o governador aproveitou para comemorar outros resultados, como o Índice da da Educação Básica (Ideb) que coloca o Acre como o melhor estado da região Norte, além da entrega e reforma de escolas indígenas e uma escola de tempo integral em Tarauacá.

“São pessoas que vão entender melhor a partir de hoje o cotidiano, a cultura e a vida de uma maneira muito mais ampla, porque as letras e as palavras formam um lindo universo. Daqui a menos de dois meses o Acre estará livre do analfabetismo e seremos o primeiro estado do país a vencer esse desafio histórico”, declarou Tião Viana.

Fazendo a diferença

Aos 71 anos, nascida na Colocação Boca de Pedra, sem escolas disponíveis na infância, a senhora Maria Deodina era só sorrisos no meio da gigantesca multidão de alunos do Quero Ler, enquanto segurava a pequena neta numa mão e o certificado de conclusão do curso de alfabetização na outra.

“Eu não sabia ler, eu me achava cega. E quando eu comecei a ler, comecei a desenvolver e isso foi abrindo meus olhos e vendo que isso era um grande momento, uma coisa muito feliz pra mim. Eu não me perco mais, chego num canto e já vejo o que tá escrito, já sei pra onde eu vou”, conta a orgulhosa senhora.

Já Luís de Souza, de 73 anos veio cercado da família receber o certificado de conclusão de seu curso. Rodeado do carinho dos filhos e netos, ele relata: “Agora eu vejo o nome de qualquer pessoa, qualquer canto. Eu nasci e me criei no Seringal Joaci. Lá ninguém conhecia escola, nem professor. E hoje veio minha oportunidade”.

A coordenadora do programa Quero Ler em Tarauacá, professora Francisca Aragão Leite também relatou ter chegado a cidade no passado ainda analfabeta e só depois ter se apaixonado pelas letras e a profissão de ensinar. Agora, é com grande satisfação que ela ajuda tantas pessoas a aprender a ler e escrever.

“É um momento especial e de muita emoção, porque resgatar a cidadania dessas pessoas é fazer elas sonharem, ter esperança e se incluirem no processo social, político e econômico. E a gente agradece ao governo do Estado por esse momento. Ainda temos uma etapa a ser realizada e com certeza iremos além dos cinco mil alfabetizados só em Tarauacá”.


fonte: Agência/Acre